5 dos Melhores Festivais de Música do Mundo

musicDONAUINSELFEST. Essa é fácil! É incrível como em apenas três dias o festival, que acontece em Viena na Áustria, consegue arrecadar os prêmios de MAIOR e, quem sabe, até de MELHOR do mundo. São mais de 2.000 performances em 21 palcos diferentes. Além disso, o festibal existe há mais de 30 anos e ocupa mais de 6 quilômetros da Ilha do Danúbio, em Viena. Falando nisso, quantas pessoas você acha que foram no último? 3.2 milhões!

MAWAZINE. Pouca gente conhece este, porque a maior parte dos artistas é africano, principalmente vindos de países com colonização francesa, no passado. São 90 performances, pelo menos no último festival, em 7 palcos distintos. Adivinha quantos participantes? 2,5 milhões! O MAWAZINE é um evento marroquino. Topas viajar?

SUMMERFEST. Embora o Guiness reconheça o SUMMERFEST como o maior festival do mundo, as referências que buscamos não concordam muito com esta informação. Mas… não podemos discordar do fato de que ele é enorme! São 11 palcos e mais de 800 apresentações. Aproximadamente 840 mil pessoas estiveram presentes em 2013, e os números tendem a aumentar anualmente. Acontece no Wisconsin, Estados Unidos.

COACHELLA. Não é novidade para ninguém que os Estaos Unidos gostam de um evento grande. Estamos acostumados com suas mega produções aqui no Brasil toda vez que um artista americano vem se apresentar. Sendo assim, não é de se estranhar que em terceiro e quarto lugar vejamos dois festivais americanos. O COACHELLA reúne até 700 mil pessoas em cerca de 190 apresentações e seis palcos. Vale a pena conferir, não? Acontece na Califórnia todos os anos.

ROCK IN RIO. É verdade que muitos brasileiros detestaram o fato do festival ter se espalhado pelo mundo. É verdade também que ele já não é mais como foi um dia, porque em 1985 o festival levou 1.3 milhões de pessoas às apresentações de bandas como Queen e AC/DC. Hoje em dia os números ficam em torno de 700 mil, mas com menos apresentações do que o COACHELLA. O festival acontece no Rio de Janeiro, Madri, Lisboa, e se transformou em um festival itinerante.

Be First to Comment

Leave a Reply

Current day month ye@r *